Mensagens todas as Segundas, Quartas e Sextas !

Carlos Martins

Mudar ou ser Mudado ?

Aracaju, 14 de Setembro de 2015

 

 

 

Havia um jovem vendedor que passava de cidade em cidade ganhando seu sustento; chegando uma cidade pequena em um certo estado percebeu que aquele povo, aquele lugar tinham condições de crescer e se tornarem ícones naquele estado. Percebeu, também, que mesmo havendo essa condição nenhuma das pessoas que ali viviam acreditavam ser possível esse crescimento.

Resolvido em fazer algo para alertar o povo daquela cidade, esse jovem pegou um banco de madeira, dirigiu-se a praça central da cidade e em cima do banco começou a discursar sobre como era possível existir a mudança. Ninguém parou para ouvir...

Passaram-se dias, semanas, meses e o jovem de forma incansável continuava a subir em seu banco de madeira na praça central e proclamar mudança para aquele mesmo que nenhuma pessoa sequer parasse para ouvir.

Um dia, um ancião chegou até e disse: "Vejo sua vinda a essa praça já a muito tempo, sua intenção é maravilhosa!! Vejo também que nenhuma das pessoas da cidade pára para ouvir... por qual motivo você continua se ninguém se interessa ?"

Com um sorriso aberto em seu rosto, o jovem segurou as mãos do ancião e explicou:"Meu bom homem, o meu discurso é de mudança, as minhas palavras tem a intenção de fazer com que as pessoas daqui vejam seu potencial e mudem!! Se eu desistir NÃO SEREI EU QUEM AS TEREI FEITO MUDAR, ELAS É QUE TERÃO ME MUDADO."

 

 

As vezes, só precisamos insistir...

Nossas ideias, nossos objetivos só precisam de nossa insistência para se tornarem reais; é quando menos se espera...

Desistir nos faz fracos.

 

"O mundo está nas mãos de quem sabe usar as palavras."

A culpa não é sua

Aracaju, 14 de Setembro de 2015.

"E, passando Jesus, viu um homem cego de nascença.
E os seus discípulos lhe perguntaram, dizendo: Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus."


João 9:1-3

 

Quando estamos diante de uma situação de dificuldade, é normal procurar um culpado ou a razão de vivenciarmos aquela adversidade. Geralmente, colocamos a culpa em nós mesmos ou, sempre aparece alguém pra fazer isso... colocar em nós a culpa.

Quem nunca se sentiu sozinho e pensou estar completamente abandonado por tudo e todos, inclusive por Deus? A culpa recai sobre nossa cabeça com um peso que nem sempre podemos aguentar e logo começamos a perguntar onde é que erramos.  Os discípulos, ao verem o cego, quiseram logo saber de quem era a culpa, quem errou e de cara jogaram sobre o CEGO !!! Como pode ele ter pecado, errado, antes mesmo de nascer e por culpa receber a cegueira???

Diante disso, vemos que não havia um culpado... ninguém havia errado pra ele estar naquela situação, era somente pra que o poder de Deus aparecesse na vida dele...e o mesmo acontece hoje com cada um de nós!!

Esse problema que está assolando sua vida, só está ai pra que Deus seja glorificado !! Como assim?? (você deve estar se perguntando) Já respondo!!

Suas forças acabaram e você se vê sozinho pra resolver, logo, o que resta a fazer é recorrer a Deus.Não há outra forma, até porque suas forças e tentativas acabaram e por se sentir sozinho, não tem como ver outro caminho a não ser contar com Deus. Colocado o(s) problema(s) nas mãos dEle, o problema será resolvido, e quando pergutarem a você como fez para sanar aquela situação que parecia impossível, sua resposta será DEUS ME AJUDOU!.

Entende agora? Deus foi glorificado ao resolver aquilo que estava tirando a sua paz, e parecia impossível. Não foi Ele quem colocou esse problema em sua vida, mas Ele permite que assim aconteça para que a sua atitude seja de reconhecer que precisa de ajuda... da ajuda dEle.

A culpa não é sua!!! Abaixar a cabeça e ficar se martirizando não vai dar em nada! A solução (única solução) é colocar nas mãos de quem pode, quer e vai resolver.

 

 

"O mundo está nas mãos de quem sabe usar as palavras."

 

E, passando Jesus, viu um homem cego de nascença.
E os seus discípulos lhe perguntaram, dizendo: Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:1-3

 

E, passando Jesus, viu um homem cego de nascença.
E os seus discípulos lhe perguntaram, dizendo: Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:1-3

 

E, passando Jesus, viu um homem cego de nascença.
E os seus discípulos lhe perguntaram, dizendo: Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:1-3

A lição do Sol

Aracaju, 16 de Setembro de 2015.

 

 

Costumamos dizer que dias nublados são ruins, são dias em que nada há pra se fazer, mas, não é bem assim...

Nem sempre a nossa vida está como dias de sol, onde o céu azul nos dá a beleza aos olhos e tudo o que fazemos dá certo. Todos os nossos esforços em busca do resultado dão em nada, tudo que fazemos acabar complicando mais, você já passou por dias assim? Tem dias nublados, dias onde as tempestades se aproximam e o frio dos ventos muda completamente a nossa opinião e pensar que não existe mais o calor do sol começa a fazer parte dos nossos pensamentos. Onde será que ele foi parar? Por qual razão ele sumiu deixando que as nuvens escuras tomem conta da nossa vida?

Não é só porque o céu está encoberto que o sol deixou de existir, e mais ainda, deixou de brilhar!! Ele está lá! Nada o impede ou o faz retroceder daquilo ao qual foi criado: BRILHAR!!!. Seu brilho intenso é visto mesmo em face das nuvens, sabemos que ele está escondido nelas, seu brilho não pôde ser subtraído.

Assim somos nós...

Ainda que o céu de nossa vida esteja nublado, sabemos que o sol não deixou de brilhar, sabemos que as lutas podem ser enormes, mas o sol não desistiu de brilhar... ele não retrocedeu seu brilho por conta das nuvens que estavam ali só para atrapalhar.

Não é porque aos olhos humanos, o céu está nublado que deixamos de perceber que ele existe, a vitória que não veio hoje por conta das nuvens que estão na sua vida certamente virá amanhã e mesmo que ela não venha, jamais devemos deixar de acreditar que o brilho dela está presente em nossa vida.

Mire-se na lição do sol:

Ele dá um belo espetáculo ao nascer, seu brilho ilumina a terra de maneira ímpar porém, quando isso está acontecendo, toda a plateia está dormindo.

 

“O mundo está nas mãos de quem sabe usar as palavras”

Isso também passará

Aracaju, 18 de setembro de 2015.

 

Em um reinado muito distante daqui, havia um rei que colecionava vitórias durante todo o período em que governava. Não houve uma só batalha, crise, período de dificuldade que esse rei não tivesse superado.

Acontece que o tempo passa para todos e esse rei veio a envelhecer; em seu leito de morte, chamou seu filho e disse que iria passar para ele o segredo de seu sucesso como rei. Então, tirou de seu dedo um anel e colocou no dedo de seu filho dizendo: “Sempre que você passar por um momento bom ou ruim, sempre que acontecer algo prazeroso ou que te traga dor, sempre que tudo for bem ou tudo for de mal a pior, leia o que está escrito nesse anel.”

Após isso, o rei morreu...

Sucedeu que vieram meses de muita paz, meses em que o reinado prosperou, venceu crises e alcançou sucesso em tudo que intentou fazer. De imediato o jovem rei lembrou-se das palavras do seu pai e leu a frase que estava no anel. A frase era: ISSO TAMBÉM PASSARÁ.

Passados alguns dias, os tempos ficaram maus e tudo veio a ruir! Reinos distantes invadiram o território, a fome e a miséria assolaram aquele lugar, guerras entre os povos tornaram-se comuns e o jovem tomado de medo e de incertezas leu novamente a inscrição do anel: ISSO TAMBÉM PASSARÁ.

A vida é feita de altos e baixos, de horas em que somos vencedores e de momentos em que todos os nossos esforços dão em nada; mas isso também passará! Não importa o momento que estamos vivendo, o que precisamos é estarmos focados naquilo que queremos e manter esse foco custe o que custar.

Lutas todos passam, momentos bons vem e passam... o que não pode acontecer, é esquecermos que quer sejam horas de sucesso, quer sejam momentos de lágrimas isso também passará.

 

 

 

“O mundo está nas mãos de quem sabe usar as palavras”

 

ATENÇÃO !!!
 
O BLOG O MUNDO PRECISA SABER está de endereço novo!!
Estou lá esperando seu acesso, seus comentários e suas opiniões para melhorarmos sempre!!
 
 
eomundoprecisasaber.blogspot.com
|Por Carlos Martins